NOTA PÚBLICA

ACM repudia conduta do Sindjustiça-CE de basear pleitos em ataques à magistratura

5 de julho de 2016 Visualizada 549 vez(es).

ACM_nota_publicaA Associação Cearense de Magistrados (ACM) repudia a conduta do Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Estado do Ceará (Sindjustiça-CE) de fazer reivindicações por meio do ataque aos direitos dos juízes estaduais.

Recentemente, o sindicato divulgou informações acerca da ajuda de custo para mudança concedida aos juízes e a ACM vem fazer esclarecimentos, sublinhando a verdade dos fatos.

A ajuda de custo para mudança é concedida ao juiz quando esse muda de comarca por determinação do Tribunal de Justiça do Estado do Cearpa (TJCE). O auxílio tem valor fixo – corresponde a um mês de subsídio – e é invariável à distância entre as comarcas de origem e de destino, entre outras regras.

Ressalta-se que a concessão da ajuda de custo para mudança é plenamente legal, estando prevista na Lei Orgânica da Magistratura Nacional (LOMAN – Lei Complementar n. 35/79), em seu art. 65, inciso I, e no Código de Divisão e Organização Judiciária do Estado do Ceará, em seus arts. 224, inciso I e 232 e seu parágrafo único.

É profundamente lamentável que os atuais dirigentes de tão prestigiosa categoria profissional, que merece o maior respeito dos juízes do Ceará, exibam essa demonstração de incapacidade de desenvolver estratégias honrosas na luta por direitos.

Fortaleza, 5 de julho de 2016

Juiz Antônio Alves de Araújo
Presidente da Associação Cearense de Magistrados (ACM)

Associação Cearense de Magistrados
Av. Santos Dumont, 2626 - Ed. Plaza Tower - Aldeota
Salas 1307 a 1311 - Cep: 60150-161
Tel/Fax: (85) 3264-8288
acmag@acmag.org.br